• Você está em: 
  • Home

19/10/2017 - .

Na manhã desta quinta feira (19) cerca de 50 vigilantes da empresa PERSONA, que prestam serviços para postos de saúde do Estado,  estiveram na porta da empresa junto com o Sindicato cobrando os seguintes itens:


1- Salário de setembro que está atrasado.

2- A volta da troca de plantão.

3- Fim das punições e perseguições por parte dos supervisores do posto.

4- Pagamento da multa de 20% dos salários atrasados de agosto e setembro.

5- A não punição dos trabalhadores devido a paralisação por causa dos salários atrasados.

6- Como será o pagamento do 13º salário.

 

Uma comissão formada por três vigilantes e três diretores do SINDVIGRIO participaram da reunião. A empresa foi representada pelo diretor André Luis Figueiredo.

A empresa assinou em ata que:

O pagamento atrasado do mês de setembro sairá amanhã (20).

A troca de plantão voltará ser permitida.

Os vigilantes não sofrerão punições pela paralisação.

O sindicato vai mandar uma lista, feita pelos trabalhadores, com os nomes e abusos dos supervisores para o diretor da empresa.

Consta o reconhecimento da empresa de que não sabe como e quando vai pagar a multa de 20% dos salários atrasados de agosto e setembro. Com isso o Sindicato já pode levar ao conhecimento do Ministério Publico do Trabalho, o descumprimento da Convenção Coletiva de Trabalho.

Foi marcada uma reunião no dia 06/11 para por em ordem o pagamento mensal e o 13º salário.

Os vigilantes decidiram ficar paralisados até que o salário seja depositado. Nova reunião será realizada amanhã ás 10h.